Archive by Author

Adeus, EMM!

13 jul

Meninas, obrigada pela companhia em todos esses anos. Todos foram incríveis. Fizemos amizades, rimos, choramos, consolamos e fomos consoladas, trocas ideias, trocamos conselhos, crescemos, mudamos… Contudo, o inevitável se apresenta aos nossos olhos: o EMM, naturalmente, chegou ao fim.

Deixo-o aqui intacto, como uma forma de homenagem a todas as meninas que já se dedicarem a ele e a suas leitoras. Foram quase 5 anos, mais de 20 colaboradoras, 346 posts publicados, 3.958 comentários, 425 seguidoras no email, 487.294 acessos e um legado que ficará para sempre em nossos corações.

Com amor,

Marília Denadary

 

obrigada

Concurso Cultural

19 fev

Que participar de um concurso cultural para concorrer a algo fofíssimo que vai inspirá-la ainda mais nessa caminhada de NM (ou pré-NM, pós-NM, apoiadora de NM, whatever!)? (:

A Pantanal SUD, em parceria com a Bess, está oferecendo duas opções de prêmio pelas quais tenho certeza que você vai se apaixonar. (Tenho cá para mim que escolher qual prêmio levar será mais difícil que ganhar o concurso… hehehehe…) Ah! Eu suuuuuper quero! =D

<3

5 fev

Oi, meninas! (:

Durante esses mais de três anos de EMM, já dividi com vocês coisas muitas íntimas e experiências bem marcantes da minha vida. Hoje não vai ser diferente. Vim apresentar para vocês minha filhinha, a Bess. É ela o sonho de que falei aqui. Eu quero conhecer!

E voltarei!

11 jan

Com certeza, vocês conhecem algumas NMs não membros. Eu conheço várias. E confesso que as admiro ainda mais porque, apesar de não compreender completamente os motivos que levam alguém largar tudo para servir uma missão de tempo integral, elas apoiam seus missionários com a mesma dedicação de uma NM membro. Gente, sério: é MUITA fé, não é não?

Por que estou falando isso? Porque o post de hoje foi escrito por uma NM que ainda não é membro da Igreja. Eu fiquei sabendo dela naquela matéria de jornal comentada aqui. Sob convite meu, a Larissa de Matos escreveu sobre a história dela e de seu amor, Victor Separavic. Pegue o seu lencinho e clique aqui para ler tudo.

Sonhos…

5 jan

A minha ideia, depois de tantas cabriolas, constituíra-se ideia fixa. Deus te livre, leitor, de uma ideia fixa; antes um argueiro, antes uma trave no olho.

Memórias Póstumas de Brás Cubas (Capítulo IV: A ideia fixa)
por Machado de Assis

Eu tenho, leitoras, uma ideia fixa. Por enquanto, é só minha. Deveria ter se tornado nossa em dezembro, mas todo o universo conspirou contra. Pensem em tudo o que pode acontecer para atrapalhar a realização de algo: aconteceu. Motivos para desistir, lamentar, alterar o trajeto? Acho que até tenho, mas não mudarei uma vírgula. E sabem por quê? Porque ela é meu sonho. Sonhos devem ser protegidos, nutridos, acariciados, feito bebês. O sonho exige dedicação, noites em claro, suspiros, fé e muito trabalho. Sim: como bebês.

Eu gostaria MUITO de ter condições de realizar meu sonho HOJE, mas não tenho. É muito provável que tenha que adiá-lo por um semestre ou dois. Talvez ele tenha que nascer bem mais modesto que o plano inicial. Mas ele nascerá e crescerá. Conta mais!

Como apoiá-lo sem fazê-lo sentir saudade?

26 dez

O post é uma tradução minha da seção Perguntas e Respostas da edição de fevereiro de 1997 da revista New Era. Original aqui. Boa leitura.

A intenção das respostas é servir de auxílio e orientação, não como pronunciamentos doutrinários da Igreja.

Meu namorado acabou de ir para a missão. Já ouvi falar de como algumas namoradas se esforçam para fazer seus missionários concentrarem-se em suas missões. Como posso apoiá-lo sem fazê-lo sentir saudade de casa?

Quais conselhos foram dados?

Longe dos olhos, perto do coração

26 dez

Li cada história linda [no EMM] que pensei: por que não tentar? Então, mudei de ideia.

~ Larissa de Matos.

A missão é difícil? É. E a espera? Nem se fala! Saudade, distância, carência, falta de cartas, comentários negativos… ah, os comentários negativos! Uma NM tem que aprender a ser um sapinho.

Mas sabem o que acabo de descobrir, em meio a um mundaréu de mensagens desanimadoras e de notícias tristes? Uma matéria em um jornal de SP (não sei se saiu só na versão digital) sobre… garotas que esperam missionários SUD! \o/ Não brinca!!!